Pai é preso suspeito de estuprar a filha de 7 anos Porto Velho


--------------------------------------

Nível do Rio Madeira atinge 16,6 metros e mais uma família é desalojada em RO


--------------------------------------

Polícia registra 20 golpes de estelionato virtual na Região Central de RO


--------------------------------------

Confira as vagas de emprego do Sine Macapá para 21 de fevereiro


--------------------------------------

Mulher agride ex-marido e casal acaba preso por lesão corporal em Porto Velho


--------------------------------------

Vereadores mantêm veto a lei para proibir 'ideologia de gênero' em Sobral


--------------------------------------

Diocese transfere para Macapá curso de formação de padres com duração de dez anos


--------------------------------------

Jovem troca arma por moto roubada e é preso por receptação em Porto Velho


--------------------------------------

Idosa de 70 anos morre atropelada por caçamba no interior do Amapá
Caso ocorreu na tarde desta terça-feira (20) no município de Cutias do Araguari. Maria Teonila Machado estava agachada atrás do veículo, quando o motorista deu a ré e a bateu. Uma idosa de 70 anos foi atropelada na tarde desta terça-feira (20) por uma caçamba no município de Cutias do Araguari, a 135 quilômetros de Macapá. Ela chegou a ser socorrida pelo motorista, mas não resistiu e morreu no hospital da localidade. Populares informaram à polícia que Maria Teonila Gomes Machado estava agachada atrás do veículo, quando o motorista acionou a ré e a bateu. Segundo a Polícia Civil local, o condutor disse não ter visto a mulher na traseira da caçamba. Ele prestou socorro à vítima até o hospital da vila, mas ela não resistiu aos ferimentos e morreu. Após socorrer a idosa o motorista se apresentou expontâneamente na delegacia. Ainda segundo a polícia, Maria era conhecida na localidade e, de acordo com moradores, ela ingeria bebida alcoólica constantemente. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o VC no G1 AP ou por Whatsapp, nos números (96) 99178-9663 e 99115-6081.

--------------------------------------

Polícia Militar do AP abre inscrições em projetos sociais para crianças e jovens


--------------------------------------

Polícia Civil investiga assassinato de ambulante no Centro de Juiz de Fora
Homicídio aconteceu na última sexta-feira (16). Imagens gravadas pelo circuito Olho Vivo vão ajudar nas investigações.  A Polícia Civil investiga o assassinato de um ambulante, de 39 anos, que ocorreu na Avenida Getúlio Vargas, na útima sexta-feira (19), em Juiz de Fora. O suspeito, de 47 anos ficou ferido. Ele foi encaminhado para o Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp). Segundo o delegado Rodrigo Rolli, da Delegacia Especialida em Homicídios, o inquérito deve ser concluído ainda essa semana. Até o momento, o dono bar onde a discussao entre os homens começou foi ouvido. Comercianrtes e ambulantes que trabalham próximo ao local do crime e que teriam presenciado o assassinato devem ser ouvidas, informou o delegado. A suspeita de que o motivo da briga seria uma disputa antiga entre os ambulantes pelo ponto de vendas ainda não foi confirmada. Imagens gravadas pelo circuito Olho Vivo vão ajudar nas investigações, mas só serão liberadas na quinta-feira (22).

--------------------------------------

Feira de calçados deve movimentar quase R$ 30 milhões em negócios em Nova Serrana


--------------------------------------

Camilo Santana anuncia reajuste de 3% para servidores estaduais


--------------------------------------

Casas construídas perto de área de preservação são demolidas em Porto Velho


--------------------------------------

Assaltantes de agência dos correios fazem reféns e são presos em Matinha


--------------------------------------

Mais de 20 búfalos são apreendidos em Macapá por suspeita de roubo


--------------------------------------

Falta de servidores administrativos em escola prejudica mais de 300 alunos em Guajará, RO


--------------------------------------

Bombeiros buscam homem desaparecido no Rio Cágado em Mar de Espanha
Testemunhas relataram que o homem foi nadar e não conseguiu retornar às margens.   O Corpo de Bombeiros busca por um homem, de 31 anos, que desapareceu no Rio Cágado, próximo a estrada da Fazendinha, em Mar de Espanha. Os militares foram acionados na noite desta segunda-feira (19). Testemunhas relataram que o homem foi nadar no rio e não conseguiu mais retornar às margens. Buscas foram feitas nesta terça-feira (20) na tentativa de encontrar o rapaz, mas até o momento não foi encontrado. Os militares informaram que está chovendo muito na cidade, o que dificulta a procura. Eles retornarão ao local na manhã desta quarta-feira (21).

--------------------------------------

Corpo de sargento que morreu durante mergulho em Paracatu é resgatado em represa


--------------------------------------

Assembleia aprova bônus de insalubridade para agentes de saúde do Ceará


--------------------------------------

Identificada vítima fatal de acidente na BR-267 em Bicas
Acidente ocorreu na noite deste domingo (18); condutor não portava documentos.  Foi identificado nesta segunda-feira (19), no Instituo Médico Legal (IML) de Juiz de Fora, a vítima faltal do acidente que ocorreu na noite deste domingo (18), na BR-267, em Bicas. O condutor não portava documento. Familiares do motorista, de 44 anos, compareceram no IML e o corpo já foi liberado. O carro em que ele estava bateu na lateral do outro e, em seguida, saiu da pista e capotou. O homem morreu no local. O motorista do outro carro não se feriu.

--------------------------------------

Prefeitura de Muriaé realiza ações educativas para evitar o aparecimento de escorpiões em residências


--------------------------------------

Estado confirma mais mortes por febre amarela na Zona da Mata e Campo das Vertentes


--------------------------------------

Justiça mantém condenação a empresa de ônibus por morte de mecânico em acidente
O Tribunal de Justiça do Maranhão manteve indenizações à família de um proprietário de oficina mecânica que morreu após ser atingido por um ônibus da Viação Pericumã. A 5ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ-MA) condenou a Viação Pericumã a pagar indenização por danos morais de R$ 30 mil à companheira, filha e enteada de um proprietário de oficina mecânica em São Luís que morreu após ser atingido em sua moto por um ônibus da empresa. Em outro processo, a companheira e a filha da vítima ganharam o direito à indenização, por danos materiais, de R$ 10.110,00; pensão mensal de um salário mínimo para a filha até que complete 25 anos de idade; e pensão mensal à companheira até a data em que a vítima completaria 70 anos. A Viação Pericumã argumentou que a sentença de 1º Grau merecia ser reformada e alegou ausência de responsabilidade civil por entender que não houve comprovação de que o condutor do veículo tenha sido o responsável pelo acidente. A empresa também não concordou com o valor fixado a título de dano moral e disse não existirem provas em relação aos danos materiais e à dependência financeira das apeladas para com o falecido. O relator do caso, Raimundo Barros, discordou das alegações apresentadas afirmando que o boletim de ocorrência foi elaborado pela Polícia Militar, no local do acidente, instantes após a ocorrência do sinistro, firmando presunção relativa dos fatos, o que cabe ônus de prova a quem se insurgir contra o documento, o que não ocorreu. Para o relator, de acordo com as provas não pairam dúvidas de que a conduta do motorista do ônibus causou danos irreparáveis, portanto a empresa deve responder por isso. Raimundo Barros também manteve os valores fixados, acrescidos de juros e correção monetária ao considerar evidente o dano moral presumido, que independeria da comprovação do grande abalo psicológico sofrido pelos parentes da vítima. Quanto às despesas com a motocicleta e funeral, o desembargador não viu motivo para alterar o montante fixado porque, segundo o magistrado, o veículo fora comprado quatro dias antes do acidente e o Superior Tribunal de Justiça tem entendimento de que despesas com luto e funeral dispensam comprovação, quando fixadas em valor compatível. Os desembargadores José de Ribamar Castro e Ricardo Duailibe acompanharam o voto do relator. As decisões ainda cabem recurso.

--------------------------------------

Suspeito de ser mandante da chacina das Cajazeiras é preso em apartamento no Cocó


--------------------------------------

Guardas Municipais recebem novo armamento em Juiz de Fora 


--------------------------------------

Assembleia aprova criação de Vara para julgar crimes de facções criminosas no CE


--------------------------------------

MP-MA pede condenação da CAEMA por falta de água e saneamento em Paraibano
Segundo o Ministério Público do Maranhão, o serviço é irregular, descontínuo e ineficiente, o que gera transtornos a todos os moradores da cidade. O Ministério Público do Maranhão (MP-MA) ingressou na Justiça com uma Ação Civil Pública com pedido de liminar contra a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) para regularização do serviço de abastecimento de água e de saneamento básico na cidade de Paraibano, a 510 Km de São Luís. Segundo o MP-MA, denúncias indicam que há muitos anos o serviço é precário, irregular, descontínuo e ineficiente, o que vem gerando transtornos a todos os moradores. Em ação de do promotor Gustavo Pereira Silva, titular da promotoria de Paraibano, é afirmado que falta água em residências, lojas comerciais, hospitais, escolas, igrejas, prédios públicos, fórum e Promotoria de Justiça. Ainda de acordo com o promotor, é comum no município a circulação de caminhões-pipa que cobram entre R$ 15 e R$ 20 por mil litros de água, o que sacrifica as famílias mais pobres. “As pessoas ficam dias a fio sem água para beber, cozinhar e manter a higiene própria e de seu lar, o que caracteriza uma ofensa manifesta a dignidade humana”, afirmou Gustavo Pereira Silva. O pedido realizado nesta terça-feira (20) requer a condenação da empresa a fornecer aos moradores de Paraibano pelo menos 20 caminhões-pipa com capacidade para 12.000 litros, diariamente, até a regularização do abastecimento. O pedido também pede que a empresa seja condenada a pagar R$ 20 milhões por danos morais à população local. Em nota, a CAEMA informou que ainda não foi notificada oficialmente e que dará os devidos esclarecimentos assim que tomar conhecimento do teor do processo.

--------------------------------------

Equipes da PM de 22 cidades da Zona da Mata monitoram divisa entre MG e RJ
Segundo major da PMMG, precaução foi tomada depois que Governo Federal anunciou intervenção militar no estado vizinho. Major da PM de Juiz de Fora comenta sobre monitoramento entre MG e RJ Policiais de 22 municípios da Zona da Mata, que fazem divisa com o Rio de Janeiro, reforçam a fiscalização nos 342 quilômetros de fronteira a fim de evitar a entrada em Minas Gerais de criminosos do estado vizinho, que está sob intervenção federal no setor de segurança pública. O decreto de intervenção foi assinado pelo presidente Michel Temer (MD na última sexta-feira (16) e prevê que o general do Exército Walter Souza Braga Netto, do Comando Militar do Leste, seja o interventor no estado. Ele assume até o dia 31 de dezembro de 2018 a responsabilidade do comando da Secretaria de Segurança, Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros e do sistema carcerário no estado do Rio. O comandante-geral da PMMG, coronel Helbert Figueiró de Lourdes, disse nesta segunda-feira (19), após reunião em Belo Horizonte com o governador Fernando Pimentel (PT), que a corporação já está adotando medidas preventivas na divisa com o Rio de Janeiro para garantir que, com a intervenção no estado vizinho, haja uma debandada de criminosos para outras regiões. "É importante frisar que já tivemos outras ocasiões de presença de tropas federais no Rio de Janeiro e que não surtiram nenhum reflexo em Minas Gerais [...]. Já desenvolvemos estratégia de reforço e de monitoramento das divisas", garantiu o coronel. De acordo com o assessor de comunicação da 4ª Região de Polícia Militar (PM), que cuida das cidades da Zona da Mata, major Jovânio Campos, o monitoramento é uma ação do Serviço de Inteligência de Segurança Pública. "É muito importante esclarecer que a PM está presente em toda a divisa, então o policial que está ali está monitorando 24h a situação. O serviço de inteligência está fazendo sua parte e as agências de Minas e do Rio estão trocando informações para direcionar os recursos necessários de forma que haja a proteção do Estado de Minas Gerais", destacou Campos. O major pede ainda que a população ajude a PM fornecendo informações pelo Disque Denúncia (181). "A PM está pronta e dará a resposta necessária de forma a manter a ordem no Estado de Minas Gerais", explica.

--------------------------------------

Centros Municipais de Educação Avançada abrem período de inscrições e rematrículas em Uberaba


--------------------------------------

Mulher é esfaqueada pelo ex-companheiro no Bairro Custódio Pereira em Uberlândia 
Autor foi preso perto do local onde trabalha. Vítima foi encaminhada para o HC-UFU.  Uma mulher, com idade não informada, foi esfaqueada pelo ex-companheiro na tarde desta terça-feira (20), em Uberlândia. Segundo as primeiras informações da Polícia Militar (PM), o autor desferiu três golpes na vítima. De acordo com a PM, os policiais receberam uma ligação da vizinha da vítima, informando que uma mulher estava gritando em uma casa localizada no Bairro Custódio Pereira. Ao chegarem no local, avistaram uma pessoa deitada no chão da residência com sinais de facadas nas costas. O autor, com idade não divulgada, fugiu após cometer o crime, mas os militares cercaram o bairro e o encontraram próximo a um açougue onde ele trabalha. O suspeito foi preso e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil. De acordo com o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU) a vítima passava por uma cirurgia.

--------------------------------------

Acidentes travam trânsito durante a manhã em São Luís


--------------------------------------

Hemominas de Ituiutaba pede ajuda da população para doar medula óssea 
Local enfrenta dificuldades para encontrar voluntários. Confira qual os procedimentos para fazer uma doação.  Hemominas de Ituiutaba pede ajuda da população para doação de medula óssea O Hemominas de Ituiutaba está recrutando voluntários para a doação de medula óssea. De acordo com dados pesquisados pelo MGTV, a meta do órgão é conseguir 600 pessoas cadastradas por ano, mas até agora foram feitos somente 45 cadastros. As chances de um paciente encontrar um doador compatível, que não seja da família, é de um em cada 100 mil pessoas. A vendedora Kátia Brito fez a diferença e doou medula para uma pessoa que mora na Espanha. “Foi uma sensação incrível em saber que eu estava salvando uma vida. Eu pude ajudar essa pessoa a ter outra oportunidade de continuar vivendo”, ressaltou. O cobrador Wanderson Custódio dos Reis doa sangue e medula há 15 anos e não perde a oportunidades de contribuir para a unidade. “Eu sou grato por ter saúde e por poder ajudar aqueles que infelizmente vivem e sofrem com algum tipo de doença”, explicou. Como doar Os interessados em fazer doações deverão realizar um cadastro na própria unidade. Logo após a inscrição, os candidatos passam para uma triagem, na qual irão responder perguntas pessoais. Os possíveis doadores também serão submetidos a exames para saber o peso a taxa de hemoglobina. Após o procedimento, o candidato está pronto para realizar a doação. Para doar sangue ou medula óssea, basta comparecer a Fundação Hemominas de Ituiutaba, localizada na Avenida 49, nº 125, no Bairro Elândia.

--------------------------------------

Açude Caldeirões sangra após 127 milímetros de chuva no mês


--------------------------------------

Chefe de facção morto no CE morou em condomínio de luxo no litoral do estado


--------------------------------------

Mais de 200 imóveis no conjunto Macapaba 2, no AP, são notificados após invasão


--------------------------------------

Sessão é suspensa na Câmara de Uberlândia por causa de reunião entre vereadores e prefeito


--------------------------------------

Obras de saneamento causam transtornos em diversos pontos de São Luís 


--------------------------------------

Empresário de Uberaba é procurado por suspeita de envolvimento em crimes investigados na Operação 'Fênix'
Gaeco de Uberlândia visitou dois imóveis dele na manhã desta terça-feira (20); homem não foi encontrado. Um empresário de Uberaba é procuradonesta terça-feira (20) pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) de Uberlândia por ser suspeito de participar de crimes que são investigados na Operação “Fênix”. Segundo promotor, Daniel Marota, responsável pelo Gaeco de Uberlândia, o empresário foi procurado na casa de parentes e um imóvel na manhã desta terça-feira (19), mas não foi encontrado. Portanto, agora ele é considerado um foragido da Justiça. Advogados presos Nesta segunda-feira (19), dois advogados de Uberlândia, José Carlos de Oliveira Campos e Sérgio Martins Parreira Junior, foram presos preventivamente durante os desdobramentos da segunda fase da Operação “Fênix". De acordo com o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), eles são suspeitos de crime de corrupção. O advogado de defesa de Junior, Alexandre Oliveira Dias, esclareceu em nota que a operação é baseada unicamente em delação premiada e que, até esta terça, não teve acesso aos atos para tomar ciência da denúncia criminal e das imputações que são feitas ao cliente. “Esperamos que o mais breve possível a situação seja esclarecida, com a comprovação de inocência do advogado e sua soltura”, informou. Já a defesa de José Carlos não foi encontrada para comentar o assunto. Operação Fênix A operação foi deflagrada pelo Ministério Público, por meio do Gaeco de Uberlândia e culminou no cumprimento de mandados contra corrupção, associação criminosa, roubos, falsidade ideológica e outros crimes em Minas Gerais, Mato Grosso e Paraná. Durante a primeira fase foram cumpridos mais de 200 mandados contra policiais civis, incluindo investigadores, escrivães e delegados, além de advogados.

--------------------------------------

Continua investigação sobre desaparecimento de adolescente em Nova Ponte


--------------------------------------